Fonte do Gestal


  • slide
  • slide
  • slide
  • slide

As águas do Gestal, na freguesia de Soutelo, são procuradas há décadas devido às suas propriedades sulfurosas que ainda hoje são utilizadas para tratar problemas de pele. A fama atravessou fronteiras e ao longo das últimas décadas pessoas oriundas de toda região dirigiam-se à fonte para buscar o líquido que atenuava as suas maleitas.

A água brota sobre a forma de um pequeno fio, a partir de uma mina que não tem mais de cinco metros de comprimento. No entanto, estima-se que percorra uma grande distância até chegar à superfície, sujeitas a pressões e temperaturas elevadas que lhe conferem um forte teor mineral com formas reduzidas de enxofre na sua estrutura química principal.

A nascente foi descoberta em 1915 e dois anos mais tarde foi concedido um alvará de exploração. As virtudes terapêuticas das águas do Gestal foram pouco estudadas pela tecnologia moderna, mas há ainda quem recorra à nascente soutelense para se livrar de algumas doenças de pele.