​M de Maio, Mãe e Maria. Soutelo celebrou os três émes com um dia repleto de atividades!

M de Maio, Mãe e Maria. Os três émes deram o mote para mais uma iniciativa do movimento Soutelo Ativo, que continua a dar um forte contributo para impulsionar a agenda da freguesia. Ana Fernandes e Alice Peixoto são os nomes que aparecem na linha da frente do recém-criado movimento que conta também com o apoio de outros soutelenses e da Junta de Freguesia local. No passado domingo, 20 de maio, Soutelo voltou a provar que está cada vez mais Ativo, com dezenas de pessoas a aceitarem o repto do Movimento e a participarem na Caminhada da Mãe. Um percurso de grande simbolismo e beleza natural, que incluiu ainda um almoço convívio e, mais tarde, um emocionante e divertido jogo de matraquilhos humanos.

Por volta das 09h00, a azáfama já se fazia sentir nas imediações da Junta de Freguesia de Soutelo, de onde, pouco depois, algumas dezenas de pessoas haveriam de arrancar para uma jornada de natureza, convívio e muita diversão. A primeira paragem teve lugar na Casa Jardim de Maria, sede distrital do Santuário de Schoenstatt, para um momento de agradecimento e introspeção. De seguida, os participantes seguiram caminho por um percurso ribeirinho de grande beleza natural, que começou pela zona de lazer do Mirante, local onde o Homem e o Cávado (rios) se unem para caminharem em uníssono até à Foz. Daí, a jornada prosseguiu pela via pedonal que liga as duas maiores zonas fluviais da freguesia, rumo ao Porto Carreiro, e continuou pela margem direita do Homem acima até à fonte das águas sulfurosas do Gestal e à velha (mas extremamente charmosa) Azenha da Barroca.

Matraquilhos humanos no ringue do Alívio

À medida que o sol ia progredindo por um imenso céu azul (cortesia de S. Pedro), os relógios não eram os únicos a marcar a passagem do tempo, porque os estômagos também começaram a dar horas. Munidos de merendeiros, os participantes realizaram uma pausa de almoço que não alimentou apenas o corpo, já que o ambiente de alegria e confraternização também ajudou a nutrir o espírito. Durante a tarde, já com as baterias recarregadas, tempo para mais um momento de pura diversão. O ringue do Alívio recebeu um inédito jogo de matraquilhos humanos, que fez as delícias de miúdos e graúdos numa hilariante mistura de desporto, alegria e muita diversão.

União e espírito de comunidade

Como vem sendo habitual, o presidente da Junta de Freguesia de Soutelo participou na iniciativa. Filipe Silva não escondeu a satisfação pela união e espírito de comunidade, predicados que se revelaram e continuam a revelar fundamentais para o desenvolvimento da freguesia e a melhoria da qualidade de vida da população local. O autarca soutelense concluiu frisando que a Junta continua, dentro das suas possibilidades, disponível para apoiar e desenvolver projetos de dinamização e enriquecimento da freguesia, numa estratégia de proximidade com a população que se tem revelado extremamente frutífera.

VENHA CONHECER SOUTELO!

Santuário do Alívio

Fonte S.Miguel

Praia do Mirante

Cruzeiro dos Evangelistas